17 de julho de 2013

Bonsai Empire

Tenho aproveitado esta altura em que não há trabalho para fazer nas minhas árvores para ir aprendendo um pouco mais sobre Bonsai, pesquisando sites do tema e vendo o trabalho de diferentes artistas.

Nas últimas semanas tenho vindo a acompanhar a evolução do novo site da Bonsai Empire. Decidi fazer este post porque é um site bastante completo e tem recebido informação a um ritmo quase diário.

Deixo o link para o site: Bonsai Empire

Aconselho a consultarem a secção dos artistas, que está dividida por continentes, e a secção de locais importantes a visitar.

Achei engraçado ter descoberto um desses locais de forma completamente fortuita, quando estive no Japão em 2008, no caminho para o parque Ueno em Tokyo.  É um espaço bastante escondido, que quase nos passou despercebido. (link)

Na altura Bonsai era apenas um mero interesse, longe do espaço que ocupa no meu coração hoje em dia, pelo que não aproveitei o momento como faria hoje.

Engraçado que havia lá Bonsai relativamente baratos que hoje teria aproveitado :)

Ficam as fotos:















Abraço,
Gonçalo

8 de julho de 2013

Workshop de Bonsai e Ligustrum

Na quinta-feira, 4 de Julho fiz um Workshop com o Márcio Meruje, do Kensho Bonsai Studio.

Conheci o Márcio no início de 2012 quando adquiri o meu ulmeiro #1 e, desde então, tenho conversado com ele pela net e peço ajuda quando tenho dúvidas ou preciso de uma opinião mais experiente sobre as minhas árvores.

Desde que comecei a falar com o Márcio, que gosto bastante da forma como ele explica os conceitos que abordamos e da segurança que demonstra no que explica. Assim sendo, achei que faria todo o sentido fazer o meu primeiro workshop com ele.

Fiz um workshop de iniciação que me ensinou muito e, para além do que aprendi de novo, serviu para reforçar as bases que fui aprendendo ao longo do tempo e serviu, ainda, para eliminar da minha cabeça uns quantos mitos sobre bonsai que se encontram em fóruns, blogues e até em alguns sites da especialidade.

No final do workshop senti-me com motivação redobrada para aprender mais e mais sobre esta arte. Foi uma tarde muito bem passada, num espaço fantástico, e vi a diferença que faz conhecer alguém com o mesmo interesse que eu e que me pode ensinar muito. Continuar a tentar aprender sozinho não faz sentido, embora eu não o faça por opção. Falta dinamismo e um espaço para praticar Bonsai em Viseu.

É, definitivamente, algo a repetir, mas da próxima sem o calor intenso que se fez sentir!


Aproveito para apresentar o meu novo bicharoco, o primeiro Ligustrum da minha colecção, que trouxe comigo no final do workshop:







Este menino vai-me dar bastante trabalho e espero estar à altura do desafio, mas já tem um tronco bastante interessante e estou confiante que tenho aqui um shohin com potencial. Para já, fica em crescimento livre para se adaptar ao novo lar.


Um abraço,
Gonçalo